40 Leituras da Bíblia Sagrada

Lembro que tinha entre 16 e 17 anos, eu estava no Templo Central da Igreja Evangélica Assembleia de Deus no Rio Grande do Norte, em Natal. Era uma tarde de sábado, durante um congresso geral da UMADEN (União de Mocidade da Assembleia de Deus em Natal). Naquela tarde, o pregador era o pastor Elinaldo Renovato de Lima que trouxe grandes ensinamentos ao público jovem ali reunido, inclusive o incentivo à leitura da Bíblia Sagrada, explicando a metodologia de ler três capítulos bíblicos diários para que, ao final do ano, toda a Bíblia fosse lida completamente. Eu admito que já tinha escutado o pastor Elinaldo citar aquilo outras vezes, mas foi naquela tarde de sábado que de fato ouvi e guardei em meu coração aquela instrução. É como se minha vida tivesse sido tomada, a partir de então, por um profundo constrangimento por não ter lido a Bíblia toda ainda, apesar dos anos de fé.

A partir dali passei a fazer a leitura anual da Bíblia Sagrada, admito que as vezes falhando num dia ou dois, mas indo um pouco além outros dias para compensar e cumprir o cronograma anual. Depois de alguns anos, lembro que tinha 22 anos de idade quando durante o culto de virada de ano ouvi um pregador de nome Paulo Sérgio, em Natal/RN, pregar sobre ‘coisas novas’. Segundo ele “tínhamos que nos esforçar para dar um pouco mais de nós para Jesus”. Ali, como tinha como prioridade certa a leitura anual da Bíblia, veio em minha mente ter uma leitura bíblica por idade e, a partir daquele momento passei a ler a Bíblia duas, três e até quatro vezes ao ano.

Enfim, em 26 de Dezembro de 2019, às 15h47, concluí a 40ª leitura da Bíblia Sagrada, igualando a minha quantidade de leitura à minha idade de 40 anos. Foi um momento de profunda emoção, de muita gratidão a Deus, e de júbilo pelo grande feito.

Nesse dia, comuniquei essa marca ao Pr. Elinaldo Renovato (AD Parnamirim/RN), agradecendo-o pelo incentivo e pela perseverança nesse propósito, que gerou fruto no coração de um jovem crente da IEADERN. Agradeci ao Pr. Sérgio Melfior (AD Joinville/SC), presidente da igreja aonde sirvo a Deus como pastor supervisor de um bonito setor de igrejas, agradeci a minha esposa Thayza e ao meu filho Mário Newton pelo apoio que sempre me dão, aos meus pais, minhas fontes eternas de inspiração e caráter. Por fim, fui ao culto da vitória da minha então congregação Estevão de Mattos, aonde agradeci e me alegrei com os irmãos em Cristo, na presença do Senhor. Não encontrei o Paulo Sérgio até então, mas com certeza aquela mensagem deve ser confirmada como que de Deus, pelo fruto que gerou.

Não foram fáceis alguns momentos, pois sempre enfrentamos resistências espirituais quando colocamos propósitos para Deus em nosso coração. Enquanto nos dedicamos a orar e nos consagrar, parece que todos os nossos pontos fracos são testados calculosamente, um a um, para ver até que ponto vamos resistir e seguir em frente. São situações, momentos de escassez, nos arrancam preciosidades, calúnias, difamações e contendas… Mas venci, lembrando Romanos 8.38, 39: Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.”

A partir de Janeiro de 2020, minha meta pessoal é passar a ler a Bíblia Sagrada de joelhos, quantas vezes o Senhor permitir, como fizeram os grandes homens da história da Igreja do Senhor. Além disso, compartilhar tão grandes experiências com as leituras e incentivar todos os meus irmãos em Cristo a praticarem a leitura anual. A todos, a paz do Senhor Jesus!

Mário Sérgio de Araújo Silva, é pastor auxiliar na Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Joinville/SC, supervisor do Setor 41 e dirigente da congregação Estevão de Mattos. Possui formação em Sistemas de Informação, Direito e Teologia.

Abrir WhatsApp
1
Precisa de Ajuda?
Oi, Podemos te ajudar?